Notícia 15:07 - 27 de setembro de 2021

Apesar de alguns passos já dados para a inserção de pessoas trans no mercado de trabalho, uma grande parcela deste público ainda enfrenta dificuldades para se inserir profissionalmente. Por isso, com o programa Dias D, com datas para a contratação de profissionais específicos, o Carrefour tem procurado contribuir para a inserção profissional de pessoas de grupos minorizados, reforçando o compromisso com a valorização e o aumento da diversidade e inclusão em todo seu ecossistema.

E seguindo esta linha, neste dia 27, a rede segue dando sequência à campanha, promovendo a contratação exclusiva de pessoas trans, válida para todas as unidades da rede no Brasil, com oportunidades em diversas funções.

Atualmente, o Carrefour emprega mais de 80 pessoas trans em todo o Brasil, mas a empresa contabiliza uma marca de mais de 200 colaboradores e colaboradoras desse grupo pelas suas unidades, nos últimos anos. "Diversidade é um princípio do qual não abrimos mão. Promovemos a inserção profissional para grupos minorizados por entendermos que o trabalho é um dos principais fatores de inclusão social e que o setor do varejo é uma porta de entrada importante para o mercado de trabalho", explica Kaleb Machado, gerente de Diversidade e Inclusão do Grupo Carrefour Brasil.

Além dessa ação, o Carrefour também desenvolve projetos de capacitação profissional exclusivos para pessoas trans que, desde 2016, já formaram mais de 250 pessoas. O programa TRANSforma, realizado em parceria com a Alicerce Educação e a Casa Neon, selecionou 40 pessoas para passarem por um processo de formação de seis meses e busca capacitá-las tanto nos aspectos técnicos quanto em competências socioemocionais. No momento, o programa se aproxima de sua etapa final, que inclui a participação dos alunos nos processos seletivos do Carrefour, ao longo do mês de outubro.

Alguns resultados

A edição deste ano, que teve início em maio, já deixa claro os impactos positivos desse tipo de ação na vida das pessoas participantes do programa: quatro delas ingressaram no mercado de trabalho e um dos alunos conseguiu iniciar um curso que sonhava há anos. "Hoje, com o Projeto Transforma, eu estou realizando meu sonho de ser enfermeira e um outro grande sonho, que não é só meu e sim de todas as pessoas transgêneros: nossa real inclusão social e no mercado de trabalho", conta Samantha Almeida Santana, participante.

Com exceção da entrevista presencial com o gestor, todas as etapas do processo seletivo acontecem de forma online. As inscrições podem ser realizadas em qualquer outro momento pelo site: https://99jobs.com/carrefour/jobs/87585-diversidade-carrefour

Créditos da imagem: iStock


Veja também