Notícia 15:26 - 20 de novembro de 2020

Esta semana o Grupo Edson Queiróz - composto pela Nacional Gás, Itaúsa e Copagaz - informou que o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) aprovou por unanimidade a aquisição total das ações da Liquigás. A negociação movimentou algo em torno de R$ 4 bilhões e com a aquisição, a Nacional Gás, empresa de energia da holding familiar que reúne também as marcas Brasil Gás e Paragás, passa a se consolidar como uma das principais empresas de GLP do Brasil.

“A aquisição da Liquigás representa mais um grande avanço do Grupo Edson Queiroz, que vem focando seus esforços, especialmente nos últimos cinco anos, na expansão de setores que já atua e na ampliação do portfólio. Aumentar nosso alcance no negócio de GLP significa um forte alinhamento com as estratégias do nosso planejamento para os próximos anos. Estamos com muitas expectativas para este novo momento de nossa empresa e, sem dúvida, será um ingrediente a mais para nossas comemorações de 70 anos”, afirma Abelardo Rocha, presidente do Grupo Edson Queiroz.

 

 

Imagem de capa: Pixabay

 


Veja também